Tags

, , ,

(Bruna Lopes)

uma senhora brasileira em seu lar

A moça está sentada, trabalhando. E não importa como esteja, estará trabalhando; é sua rotina. Pelo canto dos olhos, é possível ver sua senhora balançando os pés, lendo algo que parece não lhe interessar muito. Quem lhe dera voltar a ser bebê, sem encarar as dificuldades da vida, sem conhecer o mundo. Depois iriam crescer, mas ali – na infância – ninguém sabe nada sobre o futuro. Ela não acredita mais nele, mas tenta. Sente pontadas de inveja. Vislumbra a vida que desejaria ter, e sabe que não pode fazer nada a respeito. Se estivesse no lugar da Senhora, não seria assim. Seria bem diferente. Se a vida lhe desse uma chance, trocaria seus trapos azuis por vestidos de alta classe. Se a vida lhe desse uma chance, salvaria as crianças de um futuro que já escrito. Se a vida lhe desse uma chance…