Tags

O texto em si:

Apenas dois anos após o icônico 1968, quando jovens de todo mundo foram às ruas, levando suas energias e suas vozes a uma sociedade ensurdecida de tanto pragmatismo, Hal Ashby lançava Harold and Maude, a história de um obscuro, taciturno e depressivo adolescente que nada lembrava o saudável estereótipo que estava sendo formado. As décadas se passaram, mas o problema continua atual. Vivemos em uma sociedade que valoriza e exalta uma determinada imagem do adolescente, mas que ao mesmo tempo não sabe lidar com aqueles que não se enquadram no modelo.

A radiografia:

Apenas dois anos após o ICÔNICO 1968, quando jovens de todo mundo foram às ruas, levando suas energias e suas vozes a uma sociedade ensurdecida de tanto pragmatismo, Hal Ashby lançava Harold and Maude, a história de um obscuro, taciturno e depressivo adolescente que nada lembrava o saudável ESTEREÓTIPO que estava sendo formado. As décadas se passaram, mas o problema continua atual. Vivemos em uma sociedade que valoriza e exalta uma determinada IMAGEM do adolescente, mas que ao mesmo tempo não sabe lidar com aqueles que não se enquadram no MODELO.

Observações:

* Em vermelho, a primeira parte da introdução apresenta a referência cultural a partir da qual o texto é escrito.
* Em azul, o texto mostra que o problema apresentado na referência cultural continua presente. Pode-se dizer que o foco deixou o intertexto e chegou finalmente ao tema.
* Em verde, vemos as referências aparentemente positivas relacionadas aos jovens, as quais formarão uma antítese com aquilo que é escrito em laranja – nem todo jovem se enquadra no modelo tido como positivo.
* Por fim, em CAIXA ALTA, destaco palavras que fazem parte de um mesmo grupo semântico, mas que, conforme o texto vai se desenvolvendo, deixam de expressar valores positivos (icônico) para serem questionadas (estereótipo) e discutidas (imagem, em oposição ao aspecto concreto; modelo, em oposição a liberdade).
* O intuito é quebrar a expectativa de que a adolescência seja necessariamente um mar de rosas.